//
está a ler...
Contraprova

Os Disparates ‘Expressos’ sobre a “Nova vida de Sócrates em Paris”

O semanário de Paço de Arcos volta ao ataque a Sócrates. Tudo bem… Mas fá-lo muito mal! O ataque baseia-se em disparates, mentiras e falta de respostas. Exactamente o contrário do que um bom “ataque” deve ser! Os órgãos de Balsemão estão a funcionar mal… A inépcia sobre Sócrates saíu na Revista do ‘Expresso’, de 21/01/2012, e contém algumas pérolas merecedoras de figurarem na “antologia do disparate e incompetência dos media”, na antologia das vergonhas do “jornalismo”, na antologia do que envergonha quem é jornalista! Como estas:

“Atravessa uma rua estreita e, um minuto depois, entra num dos raríssimos cafés baratos e populares que existem no seu bairro, o número 16, que é o mais caro, mais fidalgo e mais conservador de Paris.”

Erro. O 16ème não é tal. O bairro de Paris que corresponde a essa descrição é não o 16ème mas, sim, o 7ème, cujos moradores consideram que o 16ème é um sítio para os comerciantes que enriqueceram…

“A pergunta mais frequente é esta: quem paga as suas despesas na excessivamente cara cidade de Paris?”

É para encontrar respostas às “perguntas mais frequentes” que os jornalistas são pagos. Pelo visto, nem Balsemão, nem o Expresso, nem o “correspondente em Paris” sabem disso… Ou, então, não sabem como fazer o seu trabalho.

Anúncios

Discussão

Ainda sem comentários.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: